Tudo sobre os sistemas operacionais BSD(Free BSD, Open BSD, Net BSD e PC-BSD) e a sua relação com Mac OS X, Windows e Linux.

O BSD (Berkeley Software Distribution), que traduzido seria Distribuição do Sistema de Berkeley, foi desenvolvido pela Computer Systems Research Group (CSRG) e nada mais é que um sistema operacional Unix.

Não se tornou tão conhecido como outros sistemas operacionais porque os seus criadores estão procurando sempre atualizá-lo e não o divulgam com grande investimento em marketing, ao contrário de sistemas como Windows, Mac OS X e distribuições Linux mantidas por empresas comerciais com fins lucrativos como é o caso dos sistemas Ubuntu, Red Hat, Fedora, Android, entre outros.

Muitos dos desenvolvedores do BSD são mais experientes e não se preocupam em torná-lo acessível e de fácil utilização.

Nos anos 80 era conhecido como BSD Unix, mas após um processo judicial em 1992 perdeu o direito de usar o último nome.

Não existem um donos para o BSD, ele é independente por ser gerado por diversos contribuintes e mantenedores ao redor do mundo.

Existem diversos contribuintes para as melhorias do sistema BSD, eles são divididos em três tipos:

bsd daemon

  • Contribuidores: são os que escrevem códigos e documentos, mas não têm permissão para adicionar os códigos diretamente na árvore fonte. Para que seus códigos sejam inseridos no sistema é preciso revisão e aprovação de um desenvolvedor devidamente registrado, os
  • Committers: são os desenvolvedores registrados direto na árvore do código fonte. Todos os desenvolvedores recebem notificações por e-mail de alterações individual, o que torna improvável que os outros desconheçam a autoria.
  • Grupo Central: as regras variam de um grupo para outro, não existe exigência para fazer parte, mas normalmente são os desenvolvedores. Existe um grupo para o Free BSD e outro para o Net BSD.

O Free BSD

free bsd

De alto desempenho e fácil uso para os usuários finais, é o sistema operacional BSD mais usado pelos provedores de conteúdo da rede mundial de computadores. Usado em um grande número de plataformas. É o que possui o maior número de usuários em relação aos outros projetos. Pode ser usado nos sistemas baseados em processadores AMD 64-bit, UltraSPARC®, Compaq Alpha ou em torno da especificação NEC PC-98.

O Open BSD

openbsd

Chama atenção pela segurança e pureza de códigos. Com rigorosa revisão, usa uma combinação de códigos livres para desenvolver um sistema estável e seguro.

É mais utilizado por organizações que prezam a segurança de dados, como organizações bancárias e departamentos governamentais. Roda em diversas plataformas.

O Net BSD

netbsd

Sua máxima portabilidade, permite rodar de máquinas palmtop e outros computadores portáteis à grandes servidores. Tem sido usado em missões espaciais da NASA. Ótima opção para aparelhos antigos. Eu mesmo já usei em um antigo Handheld HP Jornada 720 que eu tive a alguns anos atrás, o Jornada era um computador portátil que tinha apenas 32MB de memória RAM e um cartão de memória CF(Compact Flash) de 4 GB que era usado para armazenar os dados do computador, eu instalei o NET BSD como alternativa ao Windows CE que era o sistema operacional que veio de fábrica com esse computador portátil e tive acesso a novos recursos e novas possibilidades que não existiam anteriormente, como a possibilidade de programar em C e compilar os programas no próprio dispositivo.

hp jornada
hp jornada

O PC BSD

pcbsd

É voltado para computadores pessoais. Sistema de fácil instalação.similar ao estilo Microsoft Windows e a distribuições Linux fáceis de usar.

A licença do BSD

licenças

A licença BSD é menos restritiva que a do Linux, o que o torna bem atrativo para empresas que querem desenvolver softwares se baseando no código-fonte de programas registrados com essa licença que diferente da licença GPL usada no Linux, a licença BSD permite que o código seja usado como parte de programas registrados com outras licenças, incluindo softwares proprietários como é o caso do Mac OS X da Apple e do Microsoft Windows.

O BSD e o MAC OS X

mac osx
mac osx

Uma das maiores empresas fabricantes de computadores, smartphones e afins utiliza o código do BSD com parte dos seus sistemas operacionais.

O Mac OS®  X, sistema operacional padrão dos computadores Macintosh®, da Apple utiliza o núcleo open source Darwin que é baseado no BSD e no Mach em conjunto com diversos softwares proprietários desenvolvidos pela Apple, como é o caso da interface gráfica do sistema que foi completamente desenvolvida pela Apple após a aquisição da NeXT, empresa criada por Steve Jobs após ser demitido do cargo de CEO da Apple.

O BSD e o Windows

windows 2000
windows 2000

Códigos do BSD são usados pela Microsoft na implementação do protocolo TCP/IP e em diversas ferramentas de rede desde a época do Windows NT 3.1 e do Windows 2000.

Alguns exemplos de softwares do Windows que usam códigos do BSD são: ftp, finger, rcp, rsh e nslookup. Todos eles são aplicativos de rede.

Comparação entre Linux e BSD

linux
linux

Em algumas situações o FreeBSD pode apresentar desempenho superior ao Linux, mas não é uma regra.

A licença BSD é bem mais atrativa que a GPL para empresas por permitir o uso do código-fonte como parte de softwares proprietários.

Existem diversos motivos para usar o sistema BSD ou Linux. Cabe aos usuários avaliarem o melhor dentre eles.

  • http://about.me/leandrw leandrw

    Tenho uma curiosidade enorme nesses irmãozinhos do kernel monolítico, mas não sei como aplica-los na computação pessoal e caseira.

    • Bruno Maximo e Melo

      e pq não?

      • http://about.me/leandrw leandrw

        Não consigo imaginar o pq eu usaria um BSD especificamente ao invés de um GNU/Linux para projetos caseiros.

        • Bruno Maximo e Melo

          porque dá menos dor de cabeça se tratando do SO?

  • http://about.me/leandrw leandrw

    A maior parte dos projetos caseiros com FreeBSD são voltados para redes domésticas de auto-desempenho:

    http://www.instructables.com/howto/freebsd/

  • NoRm4nD

    O Nucleo do Mac OS X passou a ser FreeBSD ( literalmente ) a partir do momento que a Apple adotou a utilizado da arquitetura AMD64/x86-64, o nucleo era o DarwinBSD a serie 9.x.
    Para tanto o firewall padrão do Mac OS X é o IPFirewall, assim como a tecnologia do Framework TrustedBSD e a própria implementação do ZFS sobre o Mac OS X é um port decorrente da implementação realizada no FreeBSD.
    Tirando esse pequeno deslize as demais informações apresentadas no artigo não retém nenhuma incoerencia.

    • Bruno Maximo e Melo

      não cara, não.